quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Sentir

Não me peçam pra explicar meus sentimentos. Quando (e se) eu souber a resposta, talvez eles já não sejam (tão) verdadeiros. Residem, na inexplicabilidade, meus maiores motivos.

(Guilherme Ramos, 10/11/2009, 10h27, durante uma videoconferência "inspiradora" de incentivo à leitura...)

2 comentários:

Apolinário Júnior disse...

Quer sabe ro que sinto agora? O mesmo de sempre: satisfação!

Falei.
Apolinário Jr.
www.dapoesiaaocaos.blogspot.com

Larissa disse...

Amei. Explicou o inexplicável.

Postar um comentário

Sua participação aqui é um incentivo para a minha criatividade. Obrigado! E volte mais vezes ao meu blog...

 
;