domingo, 4 de outubro de 2009

Cais

Barco, sem cais,
É deriva.
(Às vezes naufrágio...)
Cais, sem barco,
É solidão.
(Por vezes, tão frágil...)
Assim somos.
Eu. Você.

(Guilherme Ramos, 12/09/2009, 7h30.)

3 comentários:

MOVIMENTO NÓS PODEMOS ALAGOAS disse...

O prêmio ODM Brasil foi criado pelo Governo Federal para incentivar, valorizar e dar visibilidade a práticas que contribuam para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.
Verificamos que você através da Cia de Teatro faz ações que podem concorrer ao prêmio, contribua para que Alagoas saia da última colocação em número de inscrições! Participe!
Os ODM foram uma decisão de todos os países do mundo, no ano 2000, para serem alcançados até 2015. Acreditamos que os ODM são parâmetros civilizatórios, síntese mobilizadora e referência para ação das pessoas e organizações, que podem dizer: “nós temos oito objetivos que contribuem para melhorar o mundo”.

Eis o programa comum de todas as nações:

Erradicar a extrema pobreza e a fome; atingir o ensino básico universal; promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres; reduzir a mortalidade infantil; melhorar a saúde materna; combater o HIV/AIDS, malária e outras doenças; garantir a sustentabilidade ambiental; estabelecer parcerias mundiais para o desenvolvimento.

O projeto deverá existir pelo menos por um ano e apresentar resultados mensuráveis.

Por dificuldades técnicas e em função da greve nos Correios, o prazo para inscrições foi estendido para a próxima quinta-feira (8/10), às 12h (meio-dia).

O formulário está no site www.odmbrasil.org.br

Att,
Movimento Nós Podemos Alagoas
http://odm-alagoas.blogspot.com/
odm.alagoas@hotmail.com

contatos imediatos disse...

"Para quem quer se soltar, invento um cais, invento mais que a solidão me dá..."

Lembrei da canção de Milton... e gostei de me remeter a sensação que tive ao escutá-la pela primeira vez!

Lindo poema!

Tô de volta!

Apolinário Jr.

Isadora disse...

Oi, Guiga, faz tempo que não passo por aqui... Gostei de Cais. Me lembrou um pouco Djavan. Saudade d'ocê. Beijos.

Postar um comentário

Sua participação aqui é um incentivo para a minha criatividade. Obrigado! E volte mais vezes ao meu blog...

 
;